Radioamadorismo‎ > ‎

Ética

A educação e o civismo devem fazer parte da postura do radioamador nas suas comunicações quer a nível internacional quer nos contactos locais.

Infelizmente quando não existe essa postura perante a vida ou quando as pessoas não têm conhecimento de certas regras ou não as querem aceitar e cumprir geram-se situações pouco dignificantes para a pessoa em causa e para a sua comunidade, sobretudo quando o mau comportamento está a ser escutado em muitos milhares de quilómetros ao redor ainda que seja uma questão entre vizinhos da mesma localidade.

Independentemente da formação de cada um e da postura assumida nas emissãoes, há radiocomunicações que são interditas na legislação portuguesa, na qual é especialmente vedado aos amadores :
  • Utilizar códigos nas emissões, exceptuando-se os previstos no Regulamento das Radiocomunicações da Convenção Internacional das Telecomunicações ou outros aprovados pela ANACOM.
  • Utilizar as estações de amador para fins ilícitos
  • Transmitir mensagens de terceiros ou destinadas a terceiros, ainda que obtidas por intercepção acidental, excepto quando a transmissão diga respeito à segurança da vida humana ou outros casos de emergência
  • Retransmitir as emissões de estações de radiodifusão sonora ou de outros serviços de radiocomunicações
  • Emitir música e publicidade de qualquer natureza
  • Interligar equipamentos de estações de amador com serviços de telecomunicações de uso público
  • Emitir indicativos de chamada ou sinais de identificação falsos ou enganosos
  • Interferir intencionalmente nas comunicações de outras estações de amador e de outros serviços de radiocomunicações
  • Transmitir falsos sinais de alarme ou notícias tendenciosas
  • Utilizar nas comunicações palavras ou expressões ofensivas da moral ou dos bons costumes.
As conversas do foro pessoal também não são apropriadas para o radioamadorismo visto não se poder ter qualquer tipo de privacidade neste serviço, embora não sejam proibidas ou interditas.

Há igualmente conteúdos de comunicações que a lei não prevê ou regula mas que o bom senso aconselha a evitar ou mesmo não abordar como é o caso dos assuntos relacionados com a ideologia ou com questões políticas e com a religião, pois são assuntos susceptíveis de ferir sensibilidades e provocar mal estar perante o confronto de ideias desta natureza em público. Não nos devemos esquecer que há colegas em determinados países que podem sentir-se muito desconfortáveis perante certas questões desta natureza. Em regimes mais opressivos, as pessoas podem sofrer consequências muito nefastas e pôr em perigo a sua licença de amador ou, em casos extremos, a sua própria vida se forem escutados pelas autoridades em conversas sobre estes assuntos ou emitirem certas opiniões pessoais que contrariem o " status quo ".

E já agora fique a saber o que diz o Decálogo do Radioamador :
  1. O Amador de Radiocomunicações põe os seus conhecimentos técnicos e a sua estação ao serviço da sua Pátria;
  2. O Amador de Radiocomunicações aperfeiçoa constantemente a sua estação de maneira a mantê-la a par das mais recentes descobertas da ciência e da técnicnologia;
  3. O Amador de Radiocomunicações é disciplinado e por isso nunca, conscientemente, afecta os princípios estabelecidos na Lei;
  4. O Amador de Radiocomunicações é gentil e não interfere propositadamente os seus colegas;
  5. O Amador de Radiocomunicações é leal em todas as suas acções;
  6. O Amador de Radiocomunicações é sincero e dá sempre um controlo exacto ainda que seja o pior possível, e ao seu melhor amigo;
  7. O Amador de Radiocomunicações é camarada e está sempre disposto a auxiliar os seus colegas mais novos e inexperientes;
  8. O Amador de Radiocomunicações é razoável e limita o tempo dos seus QSO's ( comunicados ). As frequências muitas vezes estão congestionadas há outros que estão à espera;
  9. O Amador de Radiocomunicações é equilibrado e não coloca os assuntos da rádio acima das suas ocupações normais ou da sua família;
  10. O Amador de Radiocomunicações não esquece em momento algum que a sua voz, a Voz de Portugal, está no ar e pode ser ouvida nos quatro cantos do Mundo onde a Pátria Portuguesa só pode ser engrandecida.